Como iniciares o teu Desenvolvimento Espiritual

COMO PODERÁS INICIAR A TUA CAMINHADA ESPIRITUAL EM DIRECÇÃO À FELICIDADE SUPREMA?
QUE CURSOS ESCOLHER PARA COMEÇARES O TEU DESENVOLVIMENTO ESPIRITUAL?

Desenvolvimento Espiritual, o que fazer

Como iniciar o Desenvolvimento Espiritual

Aconselhamos vivamente a leitura do livro “Esquizofrenia: Bênção ou Maldição? Como Compreender e Lidar Com as Perturbações Mentais Com Origem Espiritual”. Neste livro encontrará muitas informações e conselhos sobre este e muitos outros assuntos.

Muitas pessoas nos perguntam sobre quais os melhores cursos a frequentar para desenvolverem a sua espiritualidade de forma segura, confortável e com o máximo prazer.

No nosso dia-a-dia algumas pessoas nos confidenciam que não encontraram ainda uma linha de orientação pois ou têm poucos conhecimentos de espiritualidade ou já leram tanto que ficam confusas sobre o caminho a tomar. Outras já frequentaram centros ou médiuns que trabalham sós e já ouviram várias vezes o “Tem de trabalhar” mas queixam-se que depois não foram instruídas sobre o que precisam de fazer.

AS NOSSAS PRIMEIRAS SUGESTÕES
Geralmente para a maioria das pessoas aconselhamos:

– CURSO DE INTRODUÇÃO À ESPIRITUALIDADE 

Motivos: é fundamental compreender o que é a espiritualidade, a religião. Saber o que somos, de onde viemos, para onde vamos… Compreender o que é esperado de nós, os nossos compromissos, a felicidade que nos aguarda… Quem é Deus, a nossa relação com Deus… entre muitos outros assuntos.
Quando iniciamos uma nova profissão precisamos de saber o que temos de aprender não é assim? Quando na escola um estudante escolhe uma área de estudo ou se candidata à Universidade escolhendo determinado curso é suposto saber em que consiste esse curso. Não é assim?
Então com a espiritualidade é a mesma coisa. É pois fundamental aprender o que é realmente a espiritualidade, a religião. Aprender as noções básicas da espiritualidade vai dar-te as ferramentas necessárias para te orientares para o resto da tua Caminhada Espiritual.

Tanto no Curso de Introdução à Espiritualidade como no Curso Completo de Espiritualidade Grau Mestre a pessoa aprende a sintonizar-se com o seu Eu Superior e aprende também a Sintonia Divina, a técnica principal da Espiritualidade e da Felicidade.

Com estes cursos a pessoa fica com todos os conhecimentos básicos e fundamentais para se guiar para o resto da vida independentemente da linha espiritual que depois decida praticar.

– INICIAÇÃO em REIKI ou em outro sistema de cura como Cura de Fátima, Energia Crística, Energia Búdica…
Motivos: é importantíssimo praticar um sistema de equilíbrio energético. E os motivos são tantos e tão importantes que não é possível enumerá-los todos. Eis alguns exemplos:
– Cuidar da saúde do corpo
– Proteger-se energeticamente e espiritualmente
– Saber como equilibrar em poucos minutos a mente as emoções
– Começar o aprendizado de canalizar e manipular energias para posteriormente utilizar técnicas avançadas para curas, protecções e/ou desenvolvimento espiritual

– CURSO DE LIMPEZA E PROTECÇÃO ESPIRITUAL
Motivos
: além de uma técnica de cura como o Reiki é fundamental a pessoa aprender a proteger-se de energias negativas, de ataques psíquicos e espirituais. É essencial aprender a lidar com a sua sensibilidade compensando essa sensibilidade com conhecimentos e práticas adequadas.

 

ALGUNS ALERTAS BÁSICOS

Embora muitas pessoas tenham pressa e queiram logo “começar a trabalhar” não concebemos uma caminhada espiritual segura sem estes cursos que falamos atrás.

É claro que não precisam de ser exatamente estes cursos. Não somos a única escola espiritual. Não é nada disso. Podem ser outros cursos de outras escolas. Quando nos estamos a referir a estes cursos estamos a fazer referência aos ensinamentos que estão lá contidos. Sejam quais forem os cursos ou escolas que alguém queira frequentar aqueles conhecimentos devem esta lá: saber o que é espiritualidade, como equilibrar as suas energias e como se proteger das forças do mal e das influencias das outras pessoas.

Sem estes conhecimentos e práticas uma pessoa não se pode considerar a caminhar de forma segura no Caminho da Espiritualidade Pura de Deus. São os próprios Guias Espirituais que o dizem.

É preciso ter muito cuidado em dedicar-se à espiritualidade sem ter as noções básicas e conhecer os procedimentos corretos para evitar dissabores e desistências prematuras. Ou pior ainda, desequilíbrios perigosos.

Muitas pessoas desistem ou tiram conclusões precipitadas quando não são devidamente orientadas ou supõem que basta ler alguns livros e consultar alguns sites de espiritualidade na internet.

Como para bom entendedor meia palavra basta, dizemos apenas que não se aprende a ser médico lendo livros. Não é de todo impossível. Mas não é mais seguro e muito mais rápido ser orientado pelo menos no início por alguém competente?

De facto, sem qualquer dúvida, a espiritualidade é algo muito sério. Muito sagrado. Há uma ordem (superior) e regras a cumprir.

Procura bons instrutores. Nunca desistas. Ninguém sabe tudo. Podes aprender com uns e com outros.

Lembre-te que o que está em causa é a tua vida, a tua evolução espiritual.

Mas cuidado, sê prudente e não te precipites quando lês ou ouves certas coisas. Muitos conhecimentos só serão devidamente compreendidos depois de muito trabalho e estudo.

E a tua evolução espiritual é um desses assuntos.

É quase certo que ainda não tenhas consciência da seriedade dessas coisas.

É que o que está em causa são os teus compromissos com Deus.

O que está em causa é a tua Salvação!

A Salvação diz respeito ao aprender todas as lições exigidas por Deus e deixares de ter de nascer como ser humano e ficares de novo sujeito aos perigos e sofrimentos da vida na terra: doença, velhice, morte, pobreza, doença, desgostos amorosos, traições, ter de fazer coisas que não se gosta, ser prejudicado por outras pessoas, apegos, etc.
É certo que não há só sofrimento na Terra. Também se podem viver bons momentos. Mas nada na Terra se assemelha à alegria, harmonia, plenitude e felicidade que se experimenta nos planos espirituais mais perto de Deus.
E além disso tu não foste criado por Deus para seres eternamente uma alma que está sempre a vir à Terra. Não foste criado para ser um ser humano.
Foste criado sim para seres feliz, muito feliz junto de Deus, onde não existe nem trabalho obrigatório, nem doenças, nem sofrimento…

Medita bem nos ensinamentos que te chegam e esclarece as tuas dúvidas connosco sempre que quiseres.

Que A Paz e o Amor de Deus estejam sempre contigo e te abram o entendimento ao verdadeiro Caminho de Deus.

 

José Matos

Leave a comment

Deixe uma resposta