– Três tipos de doenças

Os três tipos de doenças ou perturbações:
Físicas ouOrgânicas, Mentais e
Espirituais

Psiquiatria saude mental e espiritualidade

Existem basicamente três tipos de doenças ou perturbações: as doenças físicas com origem orgânica (por infecção, trauma, acidente, intoxicação, etc.), as doenças do foro psíquico (por exemplo, devido a vivências traumáticas, choques emocionais, formas erradas ou disfuncionais de pensar que geram sofrimento ao próprio e/ou a terceiros), e as doenças espirituais (que não têm uma causa directa física ou psicológica).

Nos centros de saúde, clínicas, hospitais, consultórios privados e públicos de todo o mundo, milhões de pessoas procuram todos os anos ajuda para responder a sintomas como ataques de pânico inexplicáveis e aparentemente irracionais, ouvir vozes “que mais ninguém ouve”, ver coisas “que mais ninguém vê”, sentir energias a percorrer o corpo, ter a convicção de lhe passarem pela mente pensamentos que não são os seus, ter pensamentos obsessivos e compulsões que não consegue controlar, depressão crónica e/ou inexplicável, personalidade múltipla, etc., que são diagnosticados sob os mais variados quadros psicopatológicos.

Um desses quadros, considerado como um dos mais graves, é a Esquizofrenia, onde o indivíduo passa por experiências que são muitas vezes consideradas como fruto de uma grave perturbação. No entanto e apesar das várias hipóteses em estudo, a ciência médica desconhece a causa da Esquizofrenia e considera-a uma doença incurável.

No entanto e paradoxalmente, milhares de pessoas em todo o mundo passam exactamente pelas mesmas experiências dos “esquizofrénicos” e têm uma vida perfeitamente normal, quando não mesmo, verdadeiramente feliz.

É que existe uma perspectiva alternativa à visão médica desta perturbação, que oferece esperança a estas pessoas: a visão espiritual. Para a visão espiritual, o problema de muitas dessas pessoas não é físico nem mental, como aliás o confirmam os exames médicos actuais. São sim pessoas que estão a passar por uma perturbação espiritual, um despertar da Mediunidade. A Mediunidade é o conjunto de faculdades que permite ao Ser Humano ser sensível a impressões do mundo espiritual, incluindo a possibilidade de receber comunicações de seres espirituais. Este despertar da sensibilidade mediúnica é geralmente benéfica se for devidamente compreendida, aceite e educada.

Esta hipótese deve ser encarada principalmente quando não existe nenhuma causa orgânica ou trauma psicológico que justifique os sintomas. O indivíduo realiza exames médicos e não é encontrada nenhuma causa para esses sintomas. Também a nível psicológico, não existe trauma nem acontecimentos marcantes de vida que verdadeiramente justifiquem os sintomas. Então, em face disso, descartando a possibilidade de doença física ou mental, a pessoa deve colocar a hipótese de estar experimentar sintomas com origem espiritual, que precisam de ser compreendidos e controlados.
In “Esquizofrenia: Bênção ou Maldição? Como Compreender e Lidar Com as Perturbações Mentais Com Origem Espiritual”
Dr. José Matos
(Licenciado em Psicologia Clínica, Mestre de Espiritualidade e Religiões comparadas)
http://www.espiritoinifinito.com
www.iniciacoescelesitias.com
Para Marcação veja os nossos Contactos:
Tlm: 965 830 827

Resumindo:

Doenças ou perturbações físicas
– Têm a haver com o corpo
– Têm geralmente causa física, como por exemplo: por infecção, trauma, acidente, intoxicação, etc.),

Doenças ou perturbações mentais
– Têm a ver com o pensamento
– Têm geralmente como causa a forma como a pessoa pensa. exemplos:
– Vivências traumáticas
– Choques emocionais
– Formas erradas ou disfuncionais de pensar que geram sofrimento ao próprio e/ou a terceiros

Doenças espirituais
– Não têm causa física nem mental (a pessoa não está louca)
– Precisa de ser tratada com intervenção espiritual

 

 

Leave a comment

Deixar uma resposta